Skip to content

MINHA HISTÓRIA

nossasenhoradesatadoradosnos

A história desse Site/Blog não começa por aqui, e sim pela Fanpage Nossa Senhora Desatadora dos Nós. Em 1/10/2012. Justamente no dia que celebro minha união matrimonial com minha Esposa Oriana. Também dia de Santa Terezinha do Menino Jesus. Mas eu quem? rs.
Meu nome é Ailton, sou casado como disse acima, Fui Missionário de 2004 a Dezembro de 2015, exercendo o Ministério de Pregação e Cura e Libertação, na Comunidade Católica Alicerce. Moro no interior de SP, Pindamonhangaba (Vale do Paraíba) o Vale da Fé. Próximo ao Santuário e Basílica de Nossa Senhora Aparecida, Santo Antônio de Sant’Ana Galvão ( O São Frei Galvão) conhecido também como Frei Galvão, nosso 1º Santo Brasileiro em Guaratinguetá, Comunidade Bethânia do Pe. Léo em Lorena, Comunidade Canção Nova em Cachoeira Paulista, e também do Santuário e Basílica do Senhor Bom Jesus do Tremembé, em Tremembé.
Como dizia no início desse texto, no dia 1/12/2012, eu iniciei uma Fanpage dedicado a devoção de Nossa Senhora sob o Título de Desatadora dos Nós. Não há uma explicação efetiva ou sobrenatural do porque eu fiz isso, mas tenho a fé e a certeza que foi uma inspiração do Espírito Santo. Para utilizar desses canais digitais, sociais de mídia, para que através de propagar a Devoção a Mãe de Deus e Nossa Mãe, anunciar o Seu Filho, Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, e a Palavra de Deus.
A Fanpage de Nossa Senhora Desatadora dos Nós, tomou uma direção, uma proporção, através das partilhas pessoais, Palavra Deus, orações, devoção a Nossa Senhora, experiências da fé em Cristo, nesses anos, que nos direcionou aqui, este site/blog FILHOS DE NOSSA SENHORA. Porque somos todos filhos de Nossa Senhora. Rebeldes, Obedientes, mas somos. Não assumimos 100% Ela como nossa Mãe, mas Ela, obediente a Seu Filho, aos pés da Cruz, obedeceu, e assumiu, 100%, eu e você, como seu filho, sua filha!
Não vejo este espaço como doutrinário e teológico, mas para partilharmos a vida, bebermos da água do Espírito Santo e nos alimentarmos da Palavra de Deus, junto com Nossa Senhora, assim como Ela esteve com os discípulos em Pentecostes, rezando, intercedendo, esperando a graça de Deus acontecer.
Portanto, sinta-se a vontade, aqui também é a ‘Casa da Mãe’, virtual, mas é. E sabemos, que na casa de uma mãe, no coração de uma mãe, sempre tem lugar para mais um, certo? E você não é mais um, mais uma, você é um FILHO, uma FILHA, de Nossa Senhora!

Com Nossa Senhora, Deus nos abençoe!

Seu irmão na fé em Cristo, Ailton.